segunda-feira, 22 de março de 2010

EEB Carlos Techentin


Histórico da Escola

Como aconteceu em quase toda a região do Vale do Itajaí, os primeiros colonizadores eram alemães e se dedicavam a agricultura, pecuária e ao extrativismo. Com o passar do tempo à população foi aumentando e com isso surgiram as primeiras escolas. Existiam nesta região, bairro Passo Manso – Blumenau (SC), no ano de 1954, três pequenas escolas em condições precárias. Uma no atual Bairro Ribeirão Branco, outra no atual Bairro Salto Weissbach e mais uma terceira próxima a divisa dos municípios de Blumenau e Indaial. Havia então necessidade de uma escola maior e em condições de atender a comunidade escolar da região.
Em 03 de julho de 1954, a Prefeitura de Blumenau, doou um terreno ao Governo do Estado de Santa Catarina, com o propósito de ser construída nesta área uma escola estadual.
Em fevereiro 1956, iniciaram-se as aulas, no então Grupo Escolar Professor Carlos Techentin, que contava com o curso primário (primeira à quarta série).
No decorrer dos anos criaram-se associações que passaram a contribuir com a escola, de acordo com suas funções: Pelotão de Saúde, Caixa Escolar e Clube agrícola e a Associação de Pais e Professores – APP, fundada em 24 de outubro de 1976.
Em 05/04/1972, sob Decreto n. º 126/SEE, publicado no Diário Oficial do Estado nº9.471 de 11/04/72, o então Grupo Escolar Carlos Techentin foi transferido em Escola Básica Carlos Techentin, começando a funcionar gradativamente os graus do Ciclo Básico II (quinta a oitava série). O reconhecimento da Escola Básica Carlos Techentin, como estabelecimento de ensino de 1º Grau deu-se conforme... tendo em vista a Resolução n. º 30/82 que dispõe sobre o reconhecimento de estabelecimentos oficiais de ensino de primeiro e segundo graus, criados, administrativos e mantidos pelo Estado e dá outras providências. Conselho Estadual de Educação, em Florianópolis, 20 de dezembro de 1982.
De acordo com a lei n. º 4.394 de 20.11.69 e Portaria E/SE N. º 299/01. 08.88, a Escola Básica Carlos Techentin foi autorizada para o funcionamento também do ensino Pré-Escolar, a partir de 1988. Nos dias atuais, 2009, esta série foi extinta.
A Secretaria de Estado da Educação e do Desporto, no uso de suas atribuições legais, resolve baixar as seguintes portarias:
Art. 1º Alterar a identificação dos estabelecimentos de ensino da rede pública estadual, de acordo com os seguintes critérios:
I – ESCOLA DE EDUCAÇÃO BÁSICA (EEB), quando atende alunos da Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio.
No ano de 2005 atendendo a clientela do próprio bairro e regiões próximas iniciou-se as aulas para o Ensino Médio, na forma de extensão da E.E.B. Hercílio Deeke. Através do parecer Nº 366 de 11/12/2007 o Ensino Médio teve suas aulas oficializadas nesta instituição, atendendo no período diurno, já com autorização para o noturno.



3 comentários:

  1. Um salve pra todos professores e demais colaboradores

    ResponderExcluir
  2. magrit Alfarth Sell4 de julho de 2012 15:04

    Estudei aí nesta escola e me formei na 8 série, saudades da diretora na época - Neuza Valéria Koenig, D. Darci Coelho posteriormente. Gostaria de reencontrar algumas pessoas que marcaram esta época e que deixaram saudades...

    ResponderExcluir